Umbreon-GX/Wobbuffet – Hit&Run com Night Spear

Olá pessoal, estou de volta e dessa vez com a honra de estrear as análises de decks Sun&Moon!! (A qual temos uma analise da coleção aqui) Lembrando que nosso mensal de Fevereiro está bem próximo e S&M1 já será válida, então melhor apertar os treinos pra não ficar para trás!

O deck que trago hoje, trata-se de um conhecido “Bater e Correr”, mas com grande potencial de Disrupt do oponente. Umbreon-Gx é uma das cartas que mais esperamos dessa nova coleção, um stage 1 que pode evoluir no primeiro turno e com 3 excelentes ataques. Portanto, nada mais justo que ele estrelar nossa primeira análise da coleção.

A estratégia do deck consiste basicamente em bater com Umbreon-Gx acumulando dano e se escondendo atrás de Walls, enquanto remove energias do adversário até que seja seguro para o Umbreon subir dando os nocautes necessários. Para isso, contamos com ferramentas que vão nos auxiliar a aumentar o dano causado pelo Umbreon-Gx e dificultar a partida para o oponente.

Então sem mais delongas, vamos a lista base que preparei:

**Lembrando que voce pode e deve alterar essa lista de acordo com seu metagame local.


Card by Card

4 Eevee: Uma das excelentes habilidades que vimos voltar com Sun&Moon. Quem joga desde XY deve se lembrar do Eevee com Energy Evolution, que dessa vez poderá trazer a jogo evoluções com respeitáveis 200 de HP no primeiro turno. Auto explicativo o motivo de utilizar 4 cópias nesse deck.

3 Umbreon-GX: A estrela. Seu primeiro ataque com uma energia Dark tem base 30, entretanto é fundamental que esse deck abuse do acumulo de danos para alcançar os nocautes no Late Game. Dessa maneira, usamos Reverse Valley aumentando +10 aos seus ataques, que podem chegar a 80 caso estejamos batendo na fraqueza do pokémon defensor. Fora isso, temos os casos especiais onde fazemos uso do Professor Nogueira, onde esse dano é ainda maior.

Seu segundo ataque com uma energia Dark e duas incolores tem base 90 e causa 30 de dano a um pokémon do banco adversário. Esse ataque fundamentará todo o Mid-Late game do deck, quando o controle de energias na mesa do oponente foi feito e um certo dano já foi acumulado. O snipe do banco é uma excelente oportunidade de nocautear defensores previamente danificados e puxar 3 ou 4 prizes de uma vez, feito que será muito proveitoso, visto a dificuldade do deck em situações onde não há fraqueza vantajosa no pokémon defensor. Caso contrário quando atingimos tal fraqueza, se torna complicado para o oponente administrar um jogo enfrentando hits de 180 ou mais no ativo e 30 no banco.

Com o ataque GX, Umbreon ganha um proveitoso controle de campo nas energias adversárias, por uma Dark e uma Incolor podemos descartar quaisquer 2 energias ligadas aos pokémon do oponente. Esse artifício atrasará qualquer deck de aceleração lenta, neutralizando atacantes problemáticos já setupados por mais tempo.

1 Vaporeon, 1 Flareon e 0 Jolteon: Por mais tentador que tenha me parecido adicionar um Jolteon aos eevolutions, a fraqueza a elétrico não demonstra ser tão relevante para os adversários que o deck se propõe a enfrentar com dificuldade. Procurei techar os decks com grandes aceleradores de energia do descarte: Lurantis-GX e Volcanion, visto que ambos, não se preocupam com a Disrupt de energia, exigindo respostas muito mais agressivas do Umbreon-Gx pelo decorrer da partida. No demais, os decks com fraqueza a elétrico entram nesse quesito da energização lenta, que pode ser enfrentada de maneira alternativa como já discutimos.

 

 

 

3 Wobbuffet: O start de Wobbuffet garante que o oponente não tenha acesso a Shaymin-Ex, além de ser crucial em partidas contra decks de Vileplume que tendem a subir de popularidade em S&M com novas variantes como Lurantis-GX. Também deve garantir vantagem na partida contra outro Gx popular: Decidueye, inutilizando sua habilidade de snipe que é muito ruim para o Umbreon, que também acontece na partida contra Greninja Break. No mais, se mostra fundamental na partida contra Lapras-GX impedindo o loop de atacantes via recuo 0 com Manaphy-Ex.

1 Tauros-GX: Uma Wall com potencial ofensivo. Fará o oponente considerar se vale a pena bater ou não, pois Tauros pode devolver grandes hits com apenas uma DCE. É essencial na partida contra Greninja e ao enfrentar outros Tauros-Gx. Além disso, seu uso é de bom proveito quando não há oportunidade ou necessidade de utilizar o GX do Umbreon.

1 Shaymin-Ex: Apenas 1 por se tratar de uma mecânica simples, que não precisa de tantos recursos para começar a fluir. Além disso, utilizamos Wobbuffet, o que também previne que abusemos da habilidade Set Up, então não justifica a adição de outra cópia na lista. Entretanto, essa única cópia pode acabar sendo reaproveitada no decorrer do jogo caso você venha a bater com Sky Return.

4 Professor Sycamore e 3 N:Uma linha robusta de suportes de compra já que utilizaremos apenas 1 Shaymin-Ex.

3 Lysandre: Em um deck de Bater e Correr, você vai precisar utilizá-lo diversas vezes durante a partida. Acertar os Lysandre necessários é fundamental tanto nas partidas onde a fraqueza está do seu lado, quanto naquelas onde não estará. Na primeira é preciso se aproveitar das eeveelutions para nocautear os atacantes corretos antes que o oponente leve sua eeveelution. Na segunda situação, ele será necessário para que consiga fechar os 2 ou 3 hits para nocaute.

1 Professor Nogueira e 2 Reverse Valley: Alguns artifícios surpresa para incrementar sua base de ataque, transforma 4HKO em 3HKO e assim sucessivamente.

1 Delinquent: Ótimo efeito, mas justifica sua presença na lista principalmente para remover Rough Seas e Parallel City a qualquer momento. Enquanto o primeiro torna impossível que você acumule danos, o segundo pode reduzir seu dano ANTES da fraqueza no ativo e ainda diminuindo o snipe no banco adversário. Ambos totalmente indesejáveis para a estratégia do deck.

1 Team Flare Grunt, 1 Enhanced Hammer e 3 Crushing Hammer: Energy Disrupt aliada ao ataque do Umbreon-GX. Inicialmente eram 2 Enhanced e 4 Crushing, mas acabei precisando dos espaços para melhorar a consistência do deck, entretanto a contagem atual supre bem a necessidade de atraso ao adversário.

2 Nest Ball: Superior a Level Ball pois permite que busque elementos mais fundamentais para o começo de jogo, como Wobbuffet, Eevees e Tauros-GX.

4 Float Stone: Você precisa recuar o tempo todo. Então vai querer encontrar uma o mais rápido possível. E durante o decorrer do jogo, vai precisar constantemente de outras para anexar a outras Walls. Recurso sagrado no deck, não vejo motivo para utilizar outra contagem.

4 Ultra Ball, 4 VS Seeker, 3 Trainer’s Mail, 1 Super Rod: Staple.

4 DCE e 5 Dark Basic: O número mínimo para que o deck funcione bem. Umbreon-Gx é um tanque que se esconde, não há necessidade de utilizar muito mais energias do que isso. De acordo com estilos de jogo e preferências de players, 9 a 11 energias são bem aceitáveis aqui.


Possíveis Techs:

Team Skull GruntDescartar as energias na mão do adversário é sensacional para um deck com Energy Disrupt, esse efeito com certeza merece ser visto com carinho caso você encontre um espaço sobrando na decklist.

Carbink (Safeguard): Os pokémon Ex tendem a dar uma diminuída no meta, mas caso no seu meta local isso não aconteça, é uma Wall interessante a se pensar.

JolteonMais uma vez, escolhas que fazem sentido ao analisar o meta local. Jolteon torna o deck mais agressivo contra a fraqueza a elétrico, impondo ritmo de jogo mais forte a Yveltal-Ex por exemplo.

ZoroarkSe torna basicamente outra variante com a adição do Zoro, entretanto é um bom atacante de uma DCE que não deve ser ignorado nas escolhas do player. Zoroark Break também tem muito a adicionar pelo deck copiando ataques adversários, até mesmo um GX (o que conta como seu ataque GX do jogo também).


Vantagens e Desvantagens

Vantagens:

  • Apresenta matchs favoráveis contra decks do Meta, como Decidueye-Gx, Lurantis-Gx/Vileplume, Vileplume Toolbox.
  • Não sofre com o lock de habilidades, assim, Garbodor não é tão problemático na grande maioria dos casos (a não ser que você enfrente por exemplo um Lurantis-Gx/Garbodor).
  • O deck apresenta bom controle de jogo com a Energy Disrupt, o que permite Umbreon-Gx subir de forma segura para finalizar os nocautes no final do jogo.
  • Possibilidade de bater em diversas fraquezas.

Desvantagens:

  • O deck administra danos muito pequenos no começo do jogo, ficando muito refém do acúmulo de danos.
  • Caso o player tenha dificuldade em acertar os Crushing Hammer, a partida tende a ficar muito mais difícil pois Umbreon-Gx necessita de 2 ou 3 Hits para nocaute no adversário.

Partidas muito ruins ao enfrentar decks que não se importam com o Disrupt de Energia, como Greninja, onde além de tudo, temos uma trocação de prizes desfavorável.

 


Conclusão:

Umbreon-Gx tem tudo para se tornar uma carta muito frequente no cenário competitivo, sua versatilidade será muito bem aproveitada em diversas variações de decks. A variante que apresentei hoje é muito boa para counter de um meta específico, mas que pode ser modificada com facilidade para o seu meta local. Espero que já nesse mensal tenhamos boas surpresas para o que nossos players pensaram com a chegada de Sun&Moon… No demais, vamos seguir treinando o/

Mineiro de Belo Horizonte, cresceu jogando Pokémon nos consoles.
Jogador do TCG competitivo desde 2014. Estudante de Engenharia Civil e contrabandista no TCG Online nas horas vagas. Não perde uma oportunidade em conhecer novas estratégias e experiências de jogadores mais antigos, pra quem sabe conseguir crescer mais no jogo.